quarta-feira, 29 de junho de 2011

Família Franco, sua origem e sua história

A origem do sobrenome Franco surgiu através de Guilherme de “La Courne”, que fundou uma vila em Portugal, cujo nome escolhido e adotado foi de Vila Franco, tendo ali constituído família e passado a viver.
Seu filho primogênito, teve um filho de nome Gonçalo Anes, que ao se tornar senhor da Vila Franco, alcaide-mor e senhor de Atouguia, passou a adotar o sobrenome “Franco”, sendo o primeiro a fazê-lo e passando a chamar-se Gonçalo Anes Franco, sobrenome esse que passaria a ser usado por seus descendentes.
Juntamente com a honraria recebida por Gonçalo Anes Franco, foi-lhe concedido o Brasão de armas, que passou a pertencer à família, isto no ano de 1454.
Com a transferência de elementos da família para a Espanha, ali veio a se constituir a linhagem de Franco da Espanha, que é bastante importante e numerosa.
Muito embora a Família Franco, tenha uma ramificação bastante grande na Espanha, a Família Franco que estamos nos referindo, tem origem em Portugal, de onde vieram para o Brasil.
Foi através do Tenente Faustino Corrêa, pai do comendador Domingos Faustino Corrêa, que a família Franco aportou em terras brasileiras.
A família Veio das Ilhas dos Açores, se fixando no Rio Grande do Sul. Os avós paternos do comendador, Pedro Corrêa e Andreaza Spinola e, avós maternos José de Brun e Joana da Conceição faziam parte de um grupo de 60 casais, que foram mandados pela Corte Portuguesa, vindo dos Açores (Ilha São Jorge, Terceira, Graciosa e Pico), com a finalidade de empossarem terras no Rio Grande do Sul.
Instalaram-se inicialmente em Porto de Viamão, depois em Porto de São Francisco, que hoje é Porto Alegre.
As terras não ficaram de graça, porquanto eram obrigados a mandar para a corte portuguesa parte do ouro que viessem a extrair das minas ali existentes, transformando o em barras para serem transportadas.
A origem da família Franco, a que este trabalho refere-se, está baseada nos elementos acessados, e que foram acima relacionados, comprovando que realmente a origem é portuguesa.
A linhagem Franco, que veio para o Estado de São Paulo, tem origem em Daniel da Silveira Franco, que é filho de Cecília Corrêa Mirapalheta, casada em segundas núpcias com João Justino Corrêa.
Daniel da Silveira Franco, com o sobrenome adotado, passou a ser o patriarca da Família Franco, a que sua linhagem deu origem. Foi casado com Justina Maria da Silveira Franco, com quem teve um filho, Justino Silveira Franco que se casou com Escolástica Virginia de Moraes.
Justino Silveira Franco era um homem rico e poderoso do Rio Grande do Sul, dono de uma fortuna incalculável, composta por prédios, glebas de terras e minas de ouro, tudo em grande quantidade. Mas todo este capital acabou lhe trazendo problemas com a justiça.
Foi julgado e condenado, mas para não ser preso fugiu para o Estado de São Paulo, onde pretendia permanecer até que os processos de condenação fossem prescritos.

Buscando dificultar a sua identificação, mudou de nome, passando a se chamar Justino Franco de Moraes, sobrenome herdado da mulher.
A fuga no lombo de burros, que eram revezados, durou 105 dias até alcançar Sorocaba, interior do Estado de São Paulo.
Diante da mudança repentina, teve muitos prejuízos não conseguindo trazer para São Paulo a fortuna que possuía.
A permanência em Sorocaba não durou muito tempo, vindo a mudar com a família para Campinas e nas cidades vizinhas, onde como desbravador de sertão abriu muitas fazendas e plantou muitos pés de café, planta que era o ouro da época.
Em Campinas onde morou por muito tempo, nasceram os seus cinco filhos: Ormênio, Francisco, Justino Junior, Fausto e Adelaide.
Algum tempo depois a família migrou para a Fazenda Santa Maria, uma das maiores produtoras de café da região e com uma área bastante grande ainda para ser explorada em Jaú, cidade considerada rica e promissora.
Com a chegada da família em Jaú, os filhos que já eram todos maiores, alguns até casados, foram se desgarrando do comando do pai e tomando o seu rumo, procurando se colocar referencialmente em fazendas, já que eram homens da lavoura.
Por volta de 1915 os irmãos Ormênio, Justino Jr., e Fausto Franco decidiram ir para a cidade de Pirajuí, na região noroeste do estado de São Paulo, onde havia uma enorme corrida para abertura de fazendas e o plantio de café. O poderio econômico que se avizinhava era um fato, comprovando-se pela abertura de agências bancárias e a chegada de representantes de casas comissárias da cidade de Santos, que compravam e cuidavam da remessa do café para Santos, de onde era exportado. Prova maior está no fato de Pirajuí vir a ostentar o título de “Maior produtor de Café do Mundo”.
Os três irmãos, Ormênio, Justino e Fausto, tiveram uma participação importante na vida inicial da cidade e região, conforme a história da vida de cada um.
Lamentavelmente no dia 24 de março de 1920, Justino Franco de Moraes, veio a falecer deixando viúva Escolástica Virginia de Moraes, fato que fez com que o restante da irmandade fosse tomando outros rumos.
O corpo de Justino Franco de Moraes encontra-se sepultado no Cemitério Municipal de Jaú.

95 comentários:

  1. Oi, você sabe se a sua família tem alguma relação com os Francos e Moraes de Torrinha?

    ResponderExcluir
  2. Oi, você sabe se a sua família tem alguma relação com os Francos de Moraes de Torrinha?

    ResponderExcluir
  3. Sou José Franco, fiquei encantado com a origem da familia Franco. Moro em Santarém - Pará. gostaria de ficar mantendo contato. aonde fica Pirajui?

    ResponderExcluir
  4. Só para esclarecer uma coisa: a origem do sobrenome "Franco" não quer dizer que foi ali que a família Franco surgiu.

    Os Francos surgiram de um povo germânico chamado "Franks", quem em português quer dizer "Franco".
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Francos

    Esse texto explica a história de quando os portugueses com o nome de "Franco" vieram ao Brasil, mas não explica a raiz dela.

    "Franco" é um nome usado no Brasil, países hispânicos da América, Portugal e na região germânica da Europa — sendo chamados de "Frank" lá —, que é composta por países como a Alemanha, Áustria, Suíça.
    Para quem fala português ou espanhol e tem o nome "Franco", isso significa que depois de saírem da Germânia, foram para Portugal e Espanha, e lá tiveram seu sobrenome traduzido para a língua local, que em ambas as línguas significa "Franco".
    Depois algumas famílias vieram para a América.

    "Ah, mas eu não sou loiro, branco e de olhos claros! Como eu posso ter ascendência alemã?". Pelo simples fato de que quando os nossos antepassados chegaram a Portugal e a Espanha, eles se misturaram com os povos de lá e no final deu esse cabelo preto de alguns, a pele um pouco mais escura de outros, e por ai vai.

    Traduzindo: somos germânicos e não portugueses!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro, tu és tudo de um pouco. Não procure pelo em OVO. Os genes revelam mais que somos do que a superfície de nossa pele.

      Excluir
    2. parece que o cidadão quer ser mais sábio do que einstein...palhaço...trate de estudar mais um pouco...não confunda o cú com as calças

      Excluir
    3. franco, você é um merdinha que acha que "Franco" veio de Portugal. Kkkkk Palhaça é a sua mãe, aquela vaca.

      Excluir
    4. franco, você é um merdinha que acha que "Franco" veio de Portugal. Kkkkk Palhaça é a sua mãe, aquela vaca.

      Excluir
    5. Realmente o Victor está certo, a origem do nome vem do sobrenome "Frank", meu avô faleceu com 93 anos faz uns 6 meses, morava em Pirajuí, e ele contou da origem do nome. Pode ser que depois de uma certa ramificação da família, possa ter ido para diferente lugares do mundo, e que a família da pessoa(s) que escreveu (ram) o texto teria vindo de pontugal, mas a origem é germânica. Abraços...

      Excluir
  5. tenho a historia de 3 ilhoas que sairam da ilha de faial no arquepelago dos açores, e vieram para são joão del rey, em minas gerais, com arvore genealogica e tudo, agora em que acreditar?????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uma era minha bisavo, gostaria de saber masi pois toda minha familia ja faleceu, e nao temos masi nada sobre els, so lembro de mamae e tios falarem das 3 ilhoas, que eram seus avos
      meu face <Idelina Cabral de Assis

      Excluir
    2. cara idelina os franco aqui em são paulo são de origem do triangulo mineiro

      Excluir
    3. tambem sou franco moro em pontes e lacerda todos meus tios e meus avos e meu pai vieram de ituiutaba meu avo ainda vivo nasceu em ituiutaba MG em 1933

      Excluir
    4. Eu sou de Ituiutaba MG bisneto do Coleto franco de Macedo procurem o livro da familia franco lá conta bem a historia dos parentes mais velhos

      Excluir
    5. Ituiutaba é a mesma origem as familais migram, so isto, em Barretos ainda tem fazenda dos Francos que nao se encontra os decedentes pra poder entregar, e assim a terra esta la ate ano de 2010 eu ainda conversei com um senhor que conheci por acaso e como ele é a cara dos meus irmaos perguntei se ele pertencia a familai Cabral Terra ou Franco da Silveira, ele me disse que ele trbalhou pra Familia Franco sim la , porem nao sabe mais o paradeiro destes e que ate aquela data as terras estavam la , quem mora na terra nao fic aporque nao tem domcumentacao, , sei que minha familia foi para SP, norte do Brasil, Sl etc e tal, mas antes de tudo sairam da Jediea, etc, Alemanha e demias paises e ate chegaram ao Brasil, bom uma longa histria que nao conheco toda, porem ja ouvi dos mesu antepassados que ja morreram.

      Excluir
    6. Eu sou do sul de minas da cidade de botelhos, tenho o livro da familia super interessante , vale a pena adiquerir.

      Excluir
  6. Lourinhã - Portugal
    Dom Jordão, fidalgo Francês , auxiliou Dom Afonso Henriques 1º rei de Portugal nas suas conquistas de terras aos mouros . Como recompensa o rei deu-lhe o senhorio de Atouguia . Era natural de Lorient e pensa-se que fundou a vila de Lourinhã . Tinha por alcunha o Franco . Isto foi o que encontrei num livro que comprei no posto de turismo da Lourinhã . O meu apelido é Franco e a família de meu pai é oriunda de Ramalhal , Torres Vedras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. origem clara de uma provincia de portugal

      Excluir
  7. Lourinhã - Portugal
    Dom Jordão, fidalgo Francês , auxiliou Dom Afonso Henriques 1º rei de Portugal nas suas conquistas de terras aos mouros . Como recompensa o rei deu-lhe o senhorio de Atouguia . Era natural de Lorient e pensa-se que fundou a vila de Lourinhã . Tinha por alcunha o Franco . Isto foi o que encontrei num livro que comprei no posto de turismo da Lourinhã . O meu apelido é Franco e a família de meu pai é oriunda de Ramalhal , Torres Vedras

    ResponderExcluir
  8. Me chamo Luis Carlos Franco De Moraes, tenho informações de que faço parte da família do Barão de Cocais, meus avós e meu Pai eram da cidade de Jaú, caso alguém tenha alguma informação peço gentilmente que me escreva.

    contato@luiscarlosfranco.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. luis carlos, os franco são de origem do triangulo mineiro depois se irradicaram pro interior de são paulo

      Excluir
    2. Meu pai era nascido em Jaú, se chamava Oswaldo Pinto de Barros e modou-se para Pirajuí... Acho que somos parentes...

      Excluir
  9. Oi Luis!!!
    Meu nome é Cinara Franco Carvalho. Franco de pai e Carvalho de mãe. Meu pai assina Franco de Moraes e ele me disse uma vez que nossa descendência é do Prata, no Estado de Minas Gerais. Meu avô, Joaquim Franco de Lima, de 92 anos tem mais informações sobre a família. Manterei contato!!!
    Abs,
    Cinara.

    ResponderExcluir
  10. adorei saber do teu avô...sou da familia de Firmino Franco Filho, meu pai Tonico Franco era o mais velho e sou o mais velho dos irmãos...aguardo contato,...abçs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, eu tenho um tonico franco na família, sempre ouvi esse nome, acho que é meu tio avô ou algo assim. Ele mora(va) no Paraná, região de Londrina, Eu Moro em Santa Catarina.

      Excluir
    2. Olá Cuca, também tenho um tio avó tonico ou algo do tipo com este nome, sou de Santa catarina também. Meus avós também possuem sobrenome Franco.

      Tens mais alguma informação pois estou tentando cidadania em outro país.

      Excluir
    3. Também tenho um Tonico na familia e sou de Santa Catarina quem tiver mais informações pode entrar em contato pois estou tentando cidadania

      Excluir
    4. Legal saber que o sobrenome tem origem germânica, posteriormente em Portugal e chegando à nós no Brasil.
      Independente disso tudo, a linhagem no sangue acabou na quarta ou quinta geração, sabe se lá, mas, saber que Franco como nome e sobrenome se expandiu ao mundo, é uma história Linda.
      A todos os Francos, onde quer que estejam, um forte abraço.

      Excluir
    5. Legal saber que o sobrenome tem origem germânica, posteriormente em Portugal e chegando à nós no Brasil.
      Independente disso tudo, a linhagem no sangue acabou na quarta ou quinta geração, sabe se lá, mas, saber que Franco como nome e sobrenome se expandiu ao mundo, é uma história Linda.
      A todos os Francos, onde quer que estejam, um forte abraço.

      Excluir
    6. Eu sou Valdenice Franco, meu pai chama Antonio Franco, filho de João franco de Erechim Rio grande do sul, ele era de descendência alemã.

      Excluir
  11. Sou José Rome Franco, gostei da história, sou de santa catarina mas não há registro algum desta família migrada no sul

    ResponderExcluir
  12. Caso alguém possa contribuir com alguma informação, por gentiliza, envia email para romeu.com@gmail.com

    ResponderExcluir
  13. alguém ai conhece ou já ouviu falar de Adelina Franco de Moraes + Antonio Franco de Moraes +.Região de Mato Grosso.
    Sou neto deles . -Manoel Divino.

    ResponderExcluir
  14. Meu nome é Luzia Augusta Franco, minha mãe, Nezi de Moraes Franco e meu pai Joaquim Apolinário Franco.
    Obs. Minha mãe antes de se casar ja tinha os dois sobrenomes, pois ela e meu pai são parentes.

    ResponderExcluir
  15. MEU nome e walacy franco correa,achei muito legal saber da minha raiz pois conhecidencia minha mae e franco e meu pai e correa,ja no passado essas familias se encontrarao antes de chegar no brasil,sou de minas se quizerem mandar mas informaçoes aceito walacycowboy@hotmail.com.OBRIGADO.

    ResponderExcluir
  16. olha so boa noite hj dia 01 d marcço,meu nome e nazarenofraco estou em sp sera q tambem sou dessa familia franco meu avo e olegario franco quero resposta urgente porq nao conhço ninquem da parte do meu pai o nome do pai e benedito franco

    ResponderExcluir
  17. eu nazreno franco procuro essa familia por acaso alquem souber d algo me envie um email nazarenofranco@bol.com.br

    ResponderExcluir
  18. Me chamo, Daniel da Rocha Franco, e lendo os comentários, percebi que não tem nenhum comentário de algum Franco, do meu Estado Rio Grande do Sul. Meus avós paternos são oriundos da Itália, minha Avó Maria Madalena Comiinni Fiorenza e meu Avô João Franco, que receberam do Governo do Presidente Getulio Vargas, terras no Rio Grande do Sul para plantio.

    Meus Tios Franco, contam que ao chegarem no porto em São Paulo, um irmã do meu Avô mais velho, teria desembarcado, e nunca mais teriam noticias dele.

    Meu Avô teve terras (fazenda) dadas pelo Governo, em Santiago do Boqueirão – RS, que depois foi vendida para um de seus cunhados.

    O que se sabe ate o presente momento é que o nosso Franco é oriundo da Itália, de Genova, pode também ser de onde ouve a partida.

    Meu Avô falava fluentemente o Italiano, bem como minha Avó. Meu pai e todos seus irmãos foram criados na cultura Italiana, bem como a comunicação.

    Se algum Franco quiser manter contato, será um grande prazer.

    rochfranco@gmail.com – rochfranco@yahoo.com.br – daniel.franco@mte.gov.br

    WhatsApp – (61) 9939.4050


    ResponderExcluir
  19. Oi, também sou Franco, nasci em Ituiutaba, meu avô era Francisco Cinquini Franco, não sei se ele nasceu lá, pois não o conheci, toda a minha família ainda mora em Ituiutaba.

    ResponderExcluir
  20. SOU EDSON FRANCO É UM PRAZER SABER NOSSAS ORIGENS, E SABER QUE A FAMÍLIA FRANCO É TÃO GRANDE MEU AVÔ ALEIXO GONÇALVES FRANCO NATURAL DO RIO GRANDE DO SUL.SOMOS UMA GRANDE FAMÍLIA AQUI NO PARANÁ.ABRAÇOS AMIGOS..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. MINHA BISA ERA JUSTINA FRANCO E SE CASOU COM ANTONIO CORREA ,SEI TAMBEM OS NOMES DOS FILHOS DELES : Antonio, Maria José, Tercília Corrêa, Domingos Corrêa, Romana, Maximiano, José e Vicente
      AMBOS SAO DO RIO GRANDE DO SUL
      QUERIA MUITO MAIS INFORMAÇOES SOBRE ELES
      EM ANEXO A CERTIDAO DE OBITO DO MEU AVO FILHO DELES
      QUALQUER INFORMAÇAO SERIA IMPORTANTE
      POIS NAO TENHO CONTATO COM NINGUEM E QUERIA SABER SE ELES ESTAO VIVO E SEM ELES TEM FILHOS
      OBRIGADA
      DAYANA

      Excluir
  21. Meu avô era Silveira Franco como um dos citados no texto

    ResponderExcluir
  22. Meu Tataravô se chamava Rosendo Franco e meu Bisavô Raul de Aguiar Franco, Meu Avô Jayme Franco e Meu Pai Luiz Geraldo Franco. Bom eles se instalaram em Macaé em uma região chamada de Bicuda, Casimiro e Rio Dourado no Rio de Janeiro.

    ResponderExcluir
  23. Olá, sou Glauber Franco. Meu Bisavô José Franco e minha bisavó Francisca Albina Franco vieram da Itália, região da Calábria e se instalaram em Ervália MG (zona da mata, próximo de Viçosa e Muriaé). Em MG mimha mãe Mônica Lucia Franco nasceu e eu nasci em São Paulo, capital, onde moramos atualmente.
    Sugiro que façam uma árvore genealógica no site My Heritage.
    A minha árvore é: http://www.myheritage.com.br/site-197106121/franco-menezes

    Caso alguém se identifique ou queria manter contato:
    franco.glauber@hotmail.com

    Grande abraço,
    Glauber

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os Franco em Portugal/ informação no facebook: SAR IsabelFranco (CondessaFranca de Sesimbra/Portugal)

      Excluir
  24. oi!!minha bisavó se chama justina franco nasceu no rio grande do sul e se casou com meu bisavo antonio correa!queria saber se alguem dado sobre ela?

    ResponderExcluir
  25. queria mais informaloes sobre minha bisavo justina franco!?dayanamaris2012@hotmail.com

    ResponderExcluir
  26. Meu avô (parte de mãe) se chamava Antônio Franco de Oliveira e se casou com Maria Joana da Conceição Franco. Eles moravam na cidade de Mossoró/RN. Se alguém tiver alguma informação, por favor, envie e-mail para: familiafrancoo@bol.com.br

    ResponderExcluir
  27. Os genuínos Franco paulistanos, da região do entorno da Capital, compreendida entre Jundiaí, Atibaia, Jarinu, Itatiba, Nazaré, Bragança Paulista, Botujurú, Mairiporã, Franco da Rocha, é a mais antiga do Brasil, com raízes na capital bandeirante, e deslocadas para as regiões próximas, onde mantinham suas fazendas. Ali se entroncaram com outras famílias igualmente castiças, como Siqueira, Godoy, Moreira, Oliveira, Camargo, Pires, Rocha, Pimentel, Távora, Barbosa, Lopes, Leite, Cardoso, Mendonça, Gois, Cordeiro, Almada,formando o tecido social da rica região, que nada mantém de comum com outras regiões paulistas ou brasileiras.
    Os troncos FRANCO locais são 1- Capitão Lourenço Franco Viegas e seu irmão 2- João Franco Viegas, de Vila Portel, Évora; o 3º é o também português de Barcellos Manoel Franco de Brito, juiz de órfãos em Santana de Parnaíba SP, oriundo de Barcellos, Portugal. Eles vieram no inicio do século 17, e portanto, dois séculos mais antigos do que este do Rio Grande do Sul que foi ao interior rural de São Paulo, nada a ver. Confira: http://pauliceias.blogspot.com.br/2014/12/modified-register-capitao-lourenco.html
    Abs. Alan (Lopes, Franco, Bueno) Rodrigues de Camargo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estava lendo este post, procurando informações sobre os "Silveira Franco" pois minha bisavó Valéria, era filha de João da Silveira Franco e ela se casou com Benedicto de Moraes Bueno, oriundo de Mogi-Mirim, mas o casamento ocorreu em Ouro-Fino em 1895. Gostaria de saber já que cita "Bueno" em seu sobrenome, se teria informações sobre eles.

      Excluir
    2. Oi, os Franco da Silveira são da minha região; si se casaram em Minas, ficaram por lá, vc tem de buscar os registros mais recentes dos cartórios de lá (familysearch.org). Tem um grupo de discussão dedicado a Minas é o Gen-Minas, o meu é o Pauliceia_Genealogica entre nele e participe. Qual o nome da esposa do João ou José da Silveira Franco? Com dados incompletos fica difícil a busca. alancamargo@msn.com

      Excluir
    3. João da Silveira Franco casado com Antonia Augusta da Silveira. A dúvida sobre se era Jõao ou José foi por conta de um registro errado no Family Search, que eu tive que procurar a foto do registro para tirar essa dúvida. Vou procurar esse grupo. Obrigada pela dica, vou entrar no grupo, mas se achar alguma coisa, me avise.

      Excluir
  28. Gostaria de saber informações sobre meu pai Sebastião Silveira Franco, filho de Galdino Silveira Franco e Maria Elisa Silveira. Fui adotado mas, gostaria de saber sobre árvore genealógica ou antepassados dessa família. Tenho curiosidade sobre irmãos e parentes que não conheci. Desde já agradeço.

    ResponderExcluir
  29. Essa família deve ser de Descalvado ou Pirassununga-SP

    ResponderExcluir
  30. Meu avô materno se chamava João Franco Marinho e morava na Paraíba

    ResponderExcluir
  31. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  32. Oi, sou a Maria e gostaria de encontrar ou saber de alguma notícia de uma família Franco que mora (ou morava) em Mogi das Cruzes- SP, e que perdemos o contato desde a década de 70, um deles se chama Antônio Franco e tem um irmão que chamavam de Nenê Franco e moravam no Jardim Universo em Mogi, o Nenê trabalhou na fábrica de tratores Ubervaco, também jogou num time de futebol de Mogi. Trata-se de parentes, por isso é importante para mim, se alguém souber de alguma informação ou mesmo conhecer algum deles, peço que por favor me comuniquem pelo e-mail :lourdes.mari40@gmail.com Obrigado.

    ResponderExcluir
  33. Oi, sou a Maria e gostaria de encontrar ou saber de alguma notícia de uma família Franco que mora (ou morava) em Mogi das Cruzes- SP, e que perdemos o contato desde a década de 70, um deles se chama Antônio Franco e tem um irmão que chamavam de Nenê Franco e moravam no Jardim Universo em Mogi, o Nenê trabalhou na fábrica de tratores Ubervaco, também jogou num time de futebol de Mogi. Trata-se de parentes, por isso é importante para mim, se alguém souber de alguma informação ou mesmo conhecer algum deles, peço que por favor me comuniquem pelo e-mail :lourdes.mari40@gmail.com Obrigado.

    ResponderExcluir
  34. minha avó se chamava Pulcenia Ricardina de Melo Franco e consta que era descendente do Barão de Cocais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, na internet há extensa documentação sobre família Mello Franco e Barão de cocais, entre nos grupos de discussão, tem vários de São Paulo e Minas, mas vá com maiores dados, nome do cônjuge, localidade do casamento, nascimento, óbito, etc, tá???

      Excluir
  35. Olá me chamo Jaime Pierasso Neto.
    Meu bisavô antes de morreu deu o brasão para minha vó chamada Genoveva Franco Pierasso.
    Gostaria de saber se o brasao ( cor vermelha com tres coroas de ouro) e verdadeiro ou replica.

    ResponderExcluir
  36. Acho que eu sou uma Franco da "gema" do Brasil haha. Muito legal saber a história, meu nome é Gessica Kerber Franco e eu nasci no Rio Grande do Sul mesmo. Essa miscigenasção da nossa família é muito legal, pois na minha temos desde branquinhos até morenos! Significa para alguém os nomes Luigi Franco Filho ou Maria Madalena Fiorenza?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desde quando miscigenação é legal? Se toca! Você devia ter vergonha de defender uma prática dessa!

      Excluir
    2. Você quer o apartheid da família Franco?? Se toca você seu preconceituoso.

      Excluir
  37. Olá, alguém tem informações sobre a família Franco da cidade de Diamante na Paraíba. O nome do meu avô é José Franco de Almeida. Ele era loiro dos olhos azuis.
    Obrigada

    ResponderExcluir
  38. Oi! Sou Fernanda da Cruz Franco filha de Damião de Souza Franco meus avós paternos Chamavam Domingos de Souza Franco e Maria Avelina de Jesus, eles eram de Minas Gerais, faleceram quando meu pai era jovem e ele veio para São Paulo com outra família e perdeu contato com os Irmãos enfim não conheço nenhum parente por parte de pai e gostaria de conhecer se alguém conhece alguns desses Francos entre em contato comigo por favor, fernandacfranco@hotmail.com

    ResponderExcluir
  39. Olá !...tu falaste que Daniel da Silveira Franco, que é filho de Cecília Corrêa Mirapalheta, casada em segundas núpcias com João Justino Corrêa.
    Mas não encontro o nome Daniel...e o João Justino Corrêa não seria João Faustino ?
    Olha este site se é este o casal?.....http://gw.geneanet.org/valdenei?lang=fr;pz=valdenei+correa;nz=silveira;ocz=0;p=cecilia+jose;n=correa+mirapalheta


    lauradipp@hotmail.com


    Espero resposta...obrigada!

    ResponderExcluir
  40. Minha família é do triângulo mineiro,Campina Verde, Prata, Ituiutaba. Tenho um livro que fala da família.

    ResponderExcluir
  41. Minha família é do triângulo mineiro,Campina Verde, Prata, Ituiutaba. Tenho um livro que fala da família.

    ResponderExcluir
  42. Eu sou Carlos Franco, bisneto de Viriato Franco, funcionário da viação férrea, morto em acidente de trabalho no município de São Joaquim/RS. Ainda há alguns filhos deles vivos, entre eles meu avô Alvaro Franco e suas irmãs, todos moradores da região metropolitana de Porto Alegre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OLÁ CARLOS NA SUA FAMILIA TEM UMA JUSTINA FRANCO Q SE CASOU COM ANTONIO CORREA?

      Excluir
  43. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  44. Olá a todos, me chamo Kassiana da Silva Franco. Sou natural de Curitiba no Paraná. Meus avós José Francisco Franco e Maria da Silva Franco ambos natural da cidade de Campo Largo no Paraná também. Infelizmente ambos já faleceram, e não consigo informações tão rápido. Se alguem souber de algo e ter curiosidade, por favor, entre em contato. Obrigada desde já.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se deseja pesquisar sua família, há um site onde montei minha árvore genealógica onde temos acesso aos documentos (registro de nascimento, casamento e óbito além de registros de entradas e estadias em portos no Brasil.) Há o próprio sistema de pesquisa onde podemos achar muita coisa e os que ainda não foram indexados e aí sim precisa-se de paciência para vasculhar as fotos dos registros e procurar os antepassados, a vantagem é que na maioria dos registros (tanto das igrejas quantos os civis) consta os nomes dos pais e até avós da pessoa, o que facilita muito avançar nas pesquisas. O site é:https://familysearch.org/ é de longe o melhor site de pesquisas, os outros cobram para vc pesquisar e muitas vezes usam este site como referência para as pesquisas. Boa sorte.

      Excluir
  45. Ola, sou Silvio Cezar Franco, sou de curitiba, Paraná e meu avô, Manoel Franco Alves nasceu em Marilia-SP. Sabe se alguns da família foram pra essa região. Se o simples fato de possuir o sobrenome, facilita morar nesses países mencionados, sendo talvez quinta geração, não sei. Obrigado, desde já.

    ResponderExcluir
  46. Sou Renildo Franco da Silva, minha mãe (solteira) Terezinha Franco da Costa. Sou de Ceará. Fiquei animado com a história! francobellarte@hotmail.com

    ResponderExcluir
  47. EU sou JOSE DIMAS FRANCO filho de MARIA NANCI FRANCO que é filha de JACIRA FRANCO meus bisavós FRANCISCO FRANCO e LAURA LIMA minha mãe é natural Iacanga SP data nascimento 1950 se alguém souber algo dessa familia agradeço

    ResponderExcluir
  48. EU SOU JOSÉ LUIZ FRANCO, DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, MINHA MÃE SULANI FRANCO, DE CAÇAPAVA, BAGÉ, PALMAS.ESTIVE LENDO ALGO SOBRE A ORIGEM DA FAMILIA FRANCO E SOUBE QUE VEIO DE PORTUGAL E SE INSTALOU NO RIO GRANDE DO SUL, NOS AÇORES, DEPOIS UM QUE ERA MUITO RICO, JUSTINO FRANCO, FUGIU PARA O INTERIOR DE SÃO PAULO E SOUBE QUE ATÉ TROCOU DE NOME, ALGO ASSIM E EESTABELECEU A FAMILIA FRANCO PAULISTA.

    ResponderExcluir
  49. Eu sou, Sandra Franco de Lima, minha mãe Isabel Franco de Lima, minha avó Madalena Franco de Lima(filha de índios),meus bisavós Juvina Franco de Lima (índia) e Joaquim Gonçalves da Silva meus tataravós Claudiana Rosa da Silva e Bento Gonçalves da Silva, são todos são do Paraná, de uma cidade Barra do Turvo, não sei se é coisidêcia mas a família da minha avó, foram vindo de cidade a cidade até chegar na Barra do Turvo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meus trisavos Miguel (lima ou pires) Franco do Rio Grande do sul em terras chamadas na época de cerro, pertencentes a cidade de Rio pardo, essas terras são de herdeiros de um coronel chamado Franco na região, mas nada encontrei de concreto, segundo minhas tias falam que podiam ser eles descendentes de indios e portugueses, se tiveres mais informações podes me mandar email tanaramd@bol.com.br

      Excluir
  50. Gostei MTU da história dos Francos,a família tradicional do Paraná, gostaria de saber mas sobre os Francos.

    ResponderExcluir
  51. Gostei MTU da história dos Francos,a família tradicional do Paraná, gostaria de saber mas sobre os Francos.

    ResponderExcluir
  52. Eu sou, Sandra Franco de Lima, minha mãe Isabel Franco de Lima, minha avó Madalena Franco de Lima(filha de índios),meus bisavós Juvina Franco de Lima (índia) e Joaquim Gonçalves da Silva meus tataravós Claudiana Rosa da Silva e Bento Gonçalves da Silva, são todos são do Paraná, de uma cidade Barra do Turvo, não sei se é coisidêcia mas a família da minha avó, foram vindo de cidade a cidade até chegar na Barra do Turvo.

    ResponderExcluir
  53. Eu sou Helio Silva Leite,sou neto de Antonio Fernandes Franco. Minha vò chamava Emilia (falecida),nossa familia Franco è da cidade de Íguaì (Bahia) todos os meus tios ja morreram, que sei so existe um que mora em Bragança Paulista (SP)chama-se Leonel Fernandes Franco. Tenho um tio que estamos a procura que desapareceu mais ou menos em 1974 a 1975 foi a ultima noticia que tivemos, seu nome è Nelson Fernandes Franco. Ainda tenho 2 tias que nunca vi quando eu era garoto ouvi dizer que uma delas cujo apelido era preta tinha ido pra Andradina, a outra cujo nome é Ana ou Anita tinha ido pra Vitoria Da Conquista(Bahia).Quando vi aqui alguns falando dos Francos tive esperança de encontrar algum dos meus no meio deses. Peço por favor se alguém souber ou tiver noticias de alguem que mencionei aqui por favor entrar em contato comigo.
    Desde já grato!
    Telefone para contato 11 4203-5129 ou whats 11 98852-1069

    ResponderExcluir
  54. Eu sou Helio Silva Leite,sou neto de Antonio Fernandes Franco. Minha vò chamava Emilia (falecida),nossa familia Franco è da cidade de Íguaì (Bahia) todos os meus tios ja morreram, que sei so existe um que mora em Bragança Paulista (SP)chama-se Leonel Fernandes Franco. Tenho um tio que estamos a procura que desapareceu mais ou menos em 1974 a 1975 foi a ultima noticia que tivemos, seu nome è Nelson Fernandes Franco. Ainda tenho 2 tias que nunca vi quando eu era garoto ouvi dizer que uma delas cujo apelido era preta tinha ido pra Andradina, a outra cujo nome é Ana ou Anita tinha ido pra Vitoria Da Conquista(Bahia).Quando vi aqui alguns falando dos Francos tive esperança de encontrar algum dos meus no meio deses. Peço por favor se alguém souber ou tiver noticias de alguem que mencionei aqui por favor entrar em contato comigo.
    Desde já grato!
    Telefone para contato 11 4203-5129 ou whats 11 98852-1069

    ResponderExcluir
  55. Eu sou Helio Silva Leite,sou neto de Antonio Fernandes Franco. Minha vò chamava Emilia (falecida),nossa familia Franco è da cidade de Íguaì (Bahia) todos os meus tios ja morreram, que sei so existe um que mora em Bragança Paulista (SP)chama-se Leonel Fernandes Franco. Tenho um tio que estamos a procura que desapareceu mais ou menos em 1974 a 1975 foi a ultima noticia que tivemos, seu nome è Nelson Fernandes Franco. Ainda tenho 2 tias que nunca vi quando eu era garoto ouvi dizer que uma delas cujo apelido era preta tinha ido pra Andradina, a outra cujo nome é Ana ou Anita tinha ido pra Vitoria Da Conquista(Bahia).Quando vi aqui alguns falando dos Francos tive esperança de encontrar algum dos meus no meio deses. Peço por favor se alguém souber ou tiver noticias de alguem que mencionei aqui por favor entrar em contato comigo.
    Desde já grato!
    Telefone para contato 11 4203-5129 ou whats 11 98852-1069

    ResponderExcluir
  56. Eu sou Eduarda Franco minha vó é Aurora Franco e meu avô Aleixo Franco somos de Santa Catarina, alguém é daqui com este sobrenome?

    ResponderExcluir
  57. Sou Leticia rosa franco, filha de Jose Bento Franco, que era filho de Maria franco da Silva, ela nascida em Acioli em Colatina Es. Será que alguém tem informação sobre a família da minha avó, o nome do pai da minha avó era Aristel Franco da Silva?

    ResponderExcluir
  58. Sou Leticia rosa franco, filha de Jose Bento Franco, que era filho de Maria franco da Silva, ela nascida em Acioli em Colatina Es. Será que alguém tem informação sobre a família da minha avó, o nome do pai da minha avó era Aristel Franco da Silva?

    ResponderExcluir
  59. Ola, meu pai é Antonio Franco, filho de João Franco de Erechim Rio Grande do Sul. Ele saiu de casa ainda criança e eu gostaria de ter noticias se ha algum parente.

    ResponderExcluir